AVISOS

terça-feira, 17 de maio de 2011

Visita Missionária Nely Soares de Souza

Nely Soares de Souza nasceu no dia 17 de outubro na cidade de Gandu, BA. É filha de Aurelino Soares de Souza e de Anita Soares de Souza. Desde que tinha oito anos de idade uma família amiga sempre a levava à igreja batista. Em 1982 Nely ouviu a mensagem do Evangelho, proferida pelo Pr. Eclésio Pereira da Silva, na PIB em Gandu. Foi à frente e aceitou a Cristo como seu Salvador. Foi batizada no ano seguinte naquela mesma igreja e com o referido pastor. Começou a se envolver com as atividades na igreja e assumiu, dentre outros, os seguintes cargos: professora de adolescentes e de jovens (em anos diferentes), presidente da SMB, diretora de programa das organizações de jovens na igreja, líder de evangelismo, diretora de sociabilidade, vice-presidente da Unijovem etc.

Em 1986, um missionário de Missões Mundiais falava sobre os desafios da obra missionária e apelou aos que queriam dedicar-se ao ministério. Ela aceitou os desafios e foi à frente, em lágrimas, atendendo ao chamado missionário. Concluiu o 2º Grau na Escola Eliseu Leal, curso de Magistério (1987) e o Bacharel em Educação Religiosa com Habilitação em Didática pelo Seminário de Educadoras Cristãs em Recife, PE (1993). Assumiu o Ministério de Educação Religiosa na PIB em Gandu.

Depois foi transferida para a PIEB em Itamari, BA, onde atuou como educadora durante sete meses. Esta igreja organizou a Igreja Batista Central em Gandu da qual foi membro fundador. Participou do Proclamai Regional em Recife, PE, o que impactou ainda mais a sua vida. Assim que ela voltou do Proclamai, se inscreveu na Junta de Missões Mundiais e começou o processo de seleção para ser missionária temporária.

No início de 2004, Nely partiu para o Senegal, onde passou vários meses aprendendo a língua francesa. Após o período de adaptação ao campo, à cultura e à língua, seguiu para a cidade de Kedougou, interior do país, onde realizou um abençoado trabalho.

Em 29 de novembro de 2006 concluiu seu período no campo, como Radical África, e retornou ao Brasil. Nely Soares foi aprovada pelo Conselho da CBB e, em janeiro de 2008, viajou para a Guiné Equatorial, África, onde está desenvolvendo seu trabalho.

Fonte: JMM



Confira as fotos da visita:



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens recentes

Precisando conversar? Estamos aqui!