AVISOS

sexta-feira, 19 de novembro de 2010

A Bíblia tinha razão.

 Os Nefelins (achado arqueológico)
" E aconteceu que, como os homens começaram a multiplicar-se sobre a face da terra, e lhes nasceram filhas dos homens, viram os filhos de Deus que as filhas dos homens eram formosas; e tomaram para si mulheres de todas as que escolheram." Gênesis 6.4.  
 "Os Emins dantes habitaram nela, um povo grande,  e numeroso, e alto como os gigantes;  também estes foram contados por gigantes, como os Anaquins; e os moabitas lhes chamam Emins." Deuteronômio 2.10-11
"Porque só Ogue, rei de Basã, ficou de resto dos gigantes; eis que o seu leito, um leito de ferro, não está porventura em Rabá dos filhos de Amon? De nove côvados [4 metros] o seu comprimento , e de quatro côvados [1,78 metros] a sua largura, pelo côvado de um homem." Deutoronômio 3.11
"Também vimos ali gigantes, filhos de Anaque, descendentes dos gigantes; e éramos aos vossos olhos como gafanhotos e assim também éramos aos seus olhos." Números 13.33
"Então saiu do arraial dos filisteus um homem guerreiro, cujo nome era Golias, de Gate, que tinha de altura seis côvados e um palmo [ 3,15 metros]." 1 Samuel 17.4

A Bíblia tinha razão.



2 comentários:

  1. Cada vez mais as ciências tem comprovado a veracidade das Escrituras, inclusive consultando-a para elucidar mistérios e compreender comportamentos. Penso que este texto foi extraido do livro E a Biblia tinha razão de Werner Keller, leitura mais que recomendada

    ResponderExcluir
  2. Estou impressionado com essa cabeça ai da caveira que tem um retângulo marcando um sinal que parece ser a pedrada do menino Davi,
    parabéns pela bela postagem arqueológica,
    por demais de interessante,
    abçs MARIVAN

    ResponderExcluir

Postagens recentes

Precisando conversar? Estamos aqui!